O problema do estupro na Índia e como os homens indianos o veem


Anand Giridharadas

“Pela força, nunca acontece”, declarou Singh Yadav Dharampal sobre o estupro.

Ele estava em pé com um bando de homens numa barbearia próxima ao mercado Sarojini Nagar. A maioria dos homens concordou.

Há um ano, um estupro coletivo fatal, no qual um grupo de homens num ônibus atacou repetidamente uma jovem estudante de fisioterapia e a feriram internamente com uma barra de ferro, manchou o nome desta cidade. Esse caso e outros provocaram um verdadeiro exame de consciência nacional. Mas a ideia de estupro como uma impossibilidade física é um dos muitos mitos sobre a violência sexual que continuam circulando entre os homens na Índia. Isso também vale para a noção de que as mulheres são simultaneamente vítimas e autoras dos estupros que enfrentam.

“Se alguém tentasse estuprar minha filha, ela lhe bateria com um sapato”, disse Yadav, funcionário do mercado, sobre sua filha de 15 anos. “Não há como um homem estuprá-la.”

Apenas para garantir, porém, Yadav, 45, retirou-a da escola e a levou de volta para o vilarejo. Caso contrário, disse ele, como ele poderia saber o ela que estava fazendo?

Esses pressupostos e modos de falar sobre as mulheres podem ser encontrados por todos os degraus da escada social de Déli. Considere o caso recente de Tarun Tejpal, um cruzado contra a má conduta e editor de um jornal sensacionalista que se demitiu depois de ser acusado de ter atacado sexualmente uma subordinada. Numa correspondência que vazou, o que a mulher detalhou como a retirada de sua calcinha e penetração física a força foi descrito por Tejpal como “brincadeiras de bêbado” –brincadeiras que, como o tango, pedem duas pessoas para acontecer.

Falar de estupro com tantos homens de Déli é descobrir um abismo entre o mundo de suas mentes, repleto de ideias medievais sobre as mulheres, e o mundo da megacidade moderna na qual se encontram. Na verdade, muitos homens –inclusive os que estavam na barbearia aquele dia– atribuem o problema do estupro à mudança social vertiginosa que criou novas tentações num ritmo muito mais rápido do que novos hábitos para lidar com elas.

O barbeiro simplifica dessa forma: o estupro não é culpa do homem. “É culpa dos tempos”, disse ele. Ele disse que o estupro é o resultado de más escolhas feitas pelas mulheres. “Que vestem o tipo de roupa errado, comem o tipo errado de comida, vai para os lugares errados.”

É uma ideia familiar, aqui e em outros lugares, de que as mulheres atraem os homens ao estupro por usar saias particularmente bonitas. Os homens são homens, diz o argumento, o que aparentemente significa que eles serão estupradores. O barbeiro ofereceu uma metáfora: “onde quer que haja uma vela e fogo, a vela derreterá.” O fogo é sempre a mulher. A vela é o homem.”

Um menino de dez anos chamado Durgesh estava em pé por ali, esperando seu pai cortar o cabelo. Seu rosto tinha tristeza e foi revelado que sua irmã, Ratna, estava trancada na prisão juvenil. Ela também havia sido uma vítima da modernidade. Ela conseguiu um emprego, o que a levou a fazer um empréstimo, o que levou a comprar um celular, o que levou a fazer planos com amigos estranhos, o que levou ao álcool, o que levou a cheirar entorpecentes num pedaço de pano, o que a levou à cadeia.

Quando Ratna sair no ano que vem, Durgesh quer que ela volte para a aldeia ancestral onde vive a família, no Estado de Uttar Pradesh. “Caso contrário”, diz ele, ” ela vai ficar mimada de novo”.

Enquanto os homens falavam, um pouco de feminismo veio à tona. Yadav falava sobre retirar sua filha da escola quando um homem que passava, usando um blusão com os dizeres “Dois mais três é igual a 5”, irrompeu, exclamando: “Isso não está certo!”

Mas Yadav continuou falando. O que de fato acontece, segundo ele, é que as mulheres trocam sexo por dinheiro para comprar roupas bonitas. Quando as mães descobrem e as confrontam, elas chamam o que aconteceu de estupro para proteger sua honra.

“Se os pais têm apenas 10 rúpias e a filha está usando roupas de 100 rúpias, onde ela está conseguindo essas roupas?”, disse Yadav. Muitos dos homens concordaram. Ele não estava sozinho em assumir que a maioria das mulheres está a algumas roupas cobiçadas de distância da prostituição.

O homem da camiseta matemática foi persuadido. “Quem sou eu para julgar?”, disse. Ele, que se ergueu em defesa das mulheres, desistiu com a mesma rapidez.

Tradutor: Eloise De Vylder

_____

Comentários dos leitores:

No Brasil o estupro contra as mulheres ocorre todos os dias…Nas músicas depreciativas e vulgares que reduzem as mulheres a cadelas e objetos…A essa necessidade estúpida que as mulheres por aqui têm de agradar aos homens e viver somente para coisas fúteis como o corpo, a beleza..Por aqui as mulheres também são tratadas como lixo…E o pior…aceitam a sua condição e muitas vezes compactuam com os homens para perpetuar toda essa situação degradante..Poucas são as que têm alguma coisa na cabeça e vão estudar e trabalhar…a maioria engravida ainda menores e vai passando de homem em homem, de filho em filho tentando achar alguém que as sustente..

Tem brasileiro que odeia tanto o Brasil, que por maisque a notícia sobre um outro país seja horrenda, sempre acharão um jeito de dizer que o Brasil é ainda pior. Se você acha isso mesmo, porque não vai morar na Índia, se lá é melhor que o Brasil?

Anúncios
Categorias: News and politics, Notícias e política | Tags: , , , , , | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

BaileyBee

The Hive

Chairybomb

Honest Furniture Reviews

ricardo barros elt

Thinking and Living English

BA -VISUAL LESSON PLANS

for English teachers.

viralelt.wordpress.com/

Viral Videos for Higher Level ELT | Ian James | @ij64

Progressive Transit

For better communities and a higher standard of living...

Josh, Naked

A mental birthday suit

colossalvitality

Just another WordPress.com site

Arty Coyote

The most distilled possible form of liberation.

sindhuspace

Claiming the better half for women in a Man's World

Cybele's Haus of Digital Pain

kismetly crestfallen

Amanda Ricks

Writer, Counsellor, Business, and Social Resource Marketing Specialist.

CamiNique

Blog literário

Logical Quotes

Logical and Inspirational Quotes

wolf4915

Writing, Photography, Digital Art, Painting + News!

Le Blog BlookUp

Imprimez et transformez vos contenus digitaux, blogs et réseaux sociaux, en magnifiques livres papier sur blookup.com

MakeItUltra™

Psychology to Motivate | Inspire | Uplift

Jornal Acorda Getúlio

Os alunos fazem a escola

Kate Gale: A Mind Never Dormant

The life of a writer/editor

Biblioteca Florestan

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas - USP

Photography Art Plus

Photography, Animals, Flowers, Nature, Sky

Logical Quotes

Logical and Inspirational quotes

Violet's Vegan Comics

Virtual Vegan Comics for Children

Cafe Book Bean

Talk Books. Drink Coffee.

marioprata.net

Site oficial do escritor Mario Prata

Eric Schlehlein, Author

(re)Living History, with occasional attempts at humor and the rare pot-luck subject. Sorry, it's BYOB. All I have is Hamm's.

Through Open Lens

Home of Lukas Kondraciuk Photography

OldPlaidCamper

The adventures of an almost outdoorsman...

PROVERBIA

"Crítica Social, Lírica y Narrativa"

Top 10 of Anything and Everything!!!

Animals, Gift Ideas, Travel, Books, Recycling Ideas and Many, Many More

gaygeeks.wordpress.com/

Authors, Artists, Geeks, Husbands

DaniellaJoe's Blog

crochet is my favorite fiber art and my goal is to become a real artist...

espacokaizen.wordpress.com/

Blog do Kaizen: Seu espaço de saúde e bem estar

Opinião Central

Opinião Central - seu Blog de Arte, Filosofia e Cultura Pop

Ramona Luz Yoga

Portal de Conhecimento

Canal Meditação

Ensinamentos sobre meditação e espiritualidade.

Ex-Hors Concours

Inês Stein

%d blogueiros gostam disto: